Feirão do Pescado em Palmas gera mais de R$ 3 milhões em vendas

Foram vendidas mais de 425 toneladas de pescado,

O balanço do Feirão de Pescado, divulgado nesta terça-feira, 18, apontou que cerca de 60 mil pessoas movimentaram todas feiras municipais (na última semana em Palmas durante o período da Semana Santa. Foram vendidas mais de 425 toneladas de pescado, gerando mais de R$ 3 milhões em vendas.

O feirante Langimar Ribeiro, que fornece pescado nas feiras do jardim Aureny I, nas quadras 1106 Sul e 307 Norte, conta que as vendas deste ano superaram a do ano anterior. “Este ano consegui vender muito mais que no ano anterior. As vendas foram ótimas”, assegura.

Para fortalecer esse nicho que vem crescendo na Capital e garantir o fornecimento de peixes frescos e com qualidade nos mercados, a Secretaria de Desenvolvimento Rural (Seder) cooperou com os produtores auxiliando no transporte do produto, após o abate, até o frigorífico. A Seder também forneceu gelo e caixas térmicas.

Para o secretário da Seder, Roberto Sahium, a ideia da colaboração era para que o mercado fosse abastecido mantendo os preços históricos,  praticados desde dezembro. “Trabalhamos para que produtores pudessem fornecer um pescado com qualidade. E a prova de que nossa decisão foi acertada é o resultado apresentados pelos números comercializados, que superaram nossa projeção de 300 toneladas de pescado”.

Segundo ele, a proposta da pasta ao promover a ação é assegurar que o consumidor tenha peixe fresco comercializado a um preço justo, evitando assim a subida dos preços, típica deste período e que ocorre em outras regiões do País.

Os técnicos da Seder estimam que cada consumidor comprou cinco quilos de peixe em média, ou seja, cerca de R$ 50. “Esta compra fortaleceu o comércio local e até mesmo os produtores das hortas comunitárias que venderam o cheiro-verde, a pimenta; os produtores de farinha, toda a cadeia produtiva se fortaleceu”, explicou o secretário Roberto Sahium.

O incentivo dado pela Prefeitura de Palmas aos produtores de peixe contribuiu para que o pescado fosse comercializado dentro das normas exigidas pela inspeção municipal e pela Vigilância Sanitária (VISA).

A Semana Santa é a principal época do ano para a venda dos produtos da piscicultura, e absorve aqueles clientes que não abrem mão de manter a tradição cristã de consumir peixe nestes dias.

Feira

O Feirão do Pescado acontece desde o ano de 2013 em Palmas durante a Semana Santa em todas as Feiras Municipais, localizadas nas quadras: 503 Norte, 307 Norte, 304 Sul, 1.106 Sul e Aureny I e Aureny III, das 8 às 23 horas. O quilo do peixe foi comercializado entre R$ 10 e R$ 27, nas espécies de tambaqui, caranha, pintado, dentre outros.

Secom Palmas

Related posts

Leave a Comment